Casa Civil e ministério estudam adaptar tabela de frete, afirma Temer

O presidente Michel Temer anunciou hoje (7) que a Casa Civil e o Ministério dos Transportes estão estudando “uma adaptação à tabela dos preços mínimos do frete” para que os caminhoneiros tenham condições de trabalho, sem que a economia seja abalada. 

Temer concedeu entrevista exclusiva à jornalista Roseann Kennedy, no programa Nos Corredores do Poder, da TV Brasil

Ele garantiu que o acordo feito com os caminhoneiros não será desconsiderado. O presidente lembrou que a tabela da Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) já existia, mas não estava sendo colocada em prática porque havia uma oferta grande de fretes, graças ao número de caminhões disponíveis, após a retração da economia. “Mas isso não foi no meu governo”, destacou. 




%d blogueiros gostam disto: